• Daniel Caldeira

A importância da Educação no combate à pobreza

A Educação possui impacto em todas as áreas de nossa vida e é um direito fundamental que ajuda não só no desenvolvimento de um país, mas também de cada indivíduo. O Instituto Vidas Raras, uma organização não governamental, de âmbito nacional que visa promover os direitos constitucionais das pessoas portadores de doenças raras e que se encontram em situação de vulnerabilidade social, trabalha a importância da Educação como algo que vai além do aumento da renda individual ou das chances de se obter um emprego. Segundo a socióloga e pesquisadora da Fundação Carlos Chagas, Sandra Unbehaum, é pela Educação que aprendemos a nos preparar para vida. Por meio da Educação, é possível garantir o desenvolvimento social, econômico e cultural. Sandra afirma que o direito à Educação de qualidade é básico porque assegura o cumprimento de outros direitos.


A organização Vidas Raras acredita que um dos impactos da Educação é o combate à pobreza. Afinal, quanto mais as pessoas estudarem, mais oportunidades terão no mercado de trabalho. De acordo com a Pesquisa Você no Mercado de Trabalho da FGV/Instituto Votorantim, uma pessoa que concluiu uma pós-graduação tem 422% mais chances de conseguir um emprego do que quem não se alfabetizou. Além disso, quem estuda também ganha mais: o salário de um pós-graduado é 544% maior do que aquele recebido pelos analfabetos.


Esse impacto é perceptível em todos os níveis de escolaridade. Se todos os estudantes em países de renda baixa deixassem a escola sabendo ler, 71 milhões de pessoas poderiam sair da pobreza, segundo o relatório de Monitoramento Global de Educação para Todos de 2011. O relatório também mostrou que cada ano extra de escolaridade aumenta a renda individual em até 10%.

3 visualizações

Que receber nossos conteúdos ? 

Receba em seu e-mail nossos artigos com temas ricos em conteúdo para toda família! Cadastre seu e-mail.

Siga-nos em nossas redes

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram